Rod. Curitiba - Ponta Grossa Br-277, Km 2, 1875, Mossunguê, Curitiba/PR - 82305-100

A coletividade do fretamento contínuo também está relacionada ao meio ambiente

janeiro 25, 2021

Quando se fala a respeito da coletividade de um ônibus, não está relacionado apenas ao fato de permitir mais de uma pessoa utilizar este transporte, mas, também, o impacto que ele tem na sociedade e, consequentemente, o meio ambiente.

O último estudo divulgado pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) mostra que 65% da população das capitais usam transporte público. De acordo com o boletim, 20% das emissões globais de CO2 vem do setor de transportes.

As mudanças que o coronavírus trouxe podem ter alterado essa perspectiva. Porém, isso só será possível mensurar após a pandemia acabar. Até lá, o ônibus continua sendo uma alternativa sustentável de transporte, principalmente para aqueles que precisam se deslocar dentro de grandes metrópoles.

Benefícios ao meio ambiente

Utilizar ônibus ajuda a reduzir o número de motos e carros, por exemplo. Consequentemente, são menos poluentes no ar. O dióxido de carbono, o CO2, normalmente liberado pela queima de combustíveis fósseis, como a gasolina, é responsável por grande parte da poluição do planeta, afetando a camada de ozônio.

O Instituto de Energia e Meio Ambiente (Imea) revela que os automóveis são responsáveis por 72,6% das emissões dos gases de efeito estufa, vilões do aquecimento global.

Além disso, um só ônibus ocupa 3% do espaço das vias e transporta, em média, dez vezes mais pessoas que um carro. Mas como saber, também, se o ônibus utilizado não é mais um poluente? Através do ISO 14001.

Qualidade certificada

A Norma ABNT ISO 14001 tem como objetivo principal especificar os requisitos para a implementação de um sistema de gestão ambiental. Isso possibilita que as organizações, independentemente do seu porte, desenvolvam práticas sustentáveis em seus negócios: produtos e serviços.

O objetivo principal da ISO 14001 é possibilitar que as empresas atendam às suas necessidades socioeconômicas em equilíbrio com a proteção do meio ambiente. Contudo, nem todas as empresas possuem este certificado, que é concedido após uma rigorosa análise e auditoria da companhia.

A ISO 14001 possui uma abordagem sistêmica e estabelece melhores práticas para:

  • Proteção ao meio ambiente pela prevenção ou mitigação dos impactos ambientais adversos;
  • Mitigação de potenciais efeitos adversos das condições ambientais da organização;
  • Aumento do desempenho ambiental;
  • Utilização de perspectiva de ciclo de vida que pode prevenir o deslocamento involuntário dos impactos ambientais dentro do ciclo de vida.

Benefícios de uma gestão ambiental

A Templum, empresa de certificação ISO e consultoria relacionada, elenca alguns dos benefícios para as empresas que adotam um serviço de gestão ambiental:

  • Redução de riscos de acidentes, de sanções legais etc;
  • Aumento da qualidade dos produtos, serviços e processos;
  • Economia ou redução do consumo de matérias-primas, água e energia;
  • Captação de novos clientes;
  • Melhora da imagem e dos processos;
  • Aumento das possibilidades de permanência da empresa no mercado, e das possibilidades de financiamentos, devido ao bom histórico ambiental.

Para ficar atento, veja se a empresa possui o selo, o que demonstra a certificação. A Rimatur, por exemplo, possui desde 2010, confirmando o propósito de contribuir para preservação dos recursos naturais e a qualidade de vida.

Tudo isso, afinal, indica que o transporte coletivo é a forma mais eficiente para a mobilidade urbana, sob a ótica ambiental.